10 passos para escolher o porcelanato perfeito

Olá, tudo bem com você? Uma das nossas funções é orientar o cliente na escolha do piso da casa. Seja na sala, cozinha, varanda, deck e demais áreas sociais, seja no quarto, closet e demais espaços privativos. Costumo ouvir reclamações de clientes que se arrependem de escolher um acabamento específico de porcelana ou madeira. É muito difícil escolher o “piso dos sonhos”, por isso ajuda é sempre bem-vinda nesta altura, tendo em conta o gosto pessoal, as convenções da casa e o valor do investimento. Quando o pavimento a utilizar for de porcelana, vejamos algumas dicas úteis. Olhe para isso:

1- Defina o tamanho da porcelana: se for 60 × 60 cm; 80x80x90 cm Isso afetará o tamanho do quantidade de peças a serem colocadas.

2- Com brilho ou sem brilho, porcelana com esmalte na superfície, com baixa absorção de água e alta resistência mecânica.

3- O ideal aqui é verificar o PEI (resistência ao desgaste da superfície do esmalte). Para cada tipo de uso, existe um PEI recomendado, e essas informações são fornecidas pelo fabricante do produto.

4- Porcelana Retificada - É um piso de corte reto que permite que as juntas de dilatação entre uma peça e outra sejam muito finas. O piso inacabado possui pequenas bordas.

5 - Manchas no chão - Para quem se preocupa muito com a limpeza, escolher ladrilhos com “manchas” pode ser uma boa ideia. A porcelana com linguagem de linha de cimento tem recebido muitos elogios em termos de limpeza.

6- Para que os ladrilhos recebam os elogios do trabalho posterior, é preciso ter em mente o artesanato. Portanto, é muito importante escolher profissionais qualificados.

7- Argamassa-Ao colocar ladrilhos, é importante usar uma argamassa de alta qualidade, e que seja adequada para a colocação de ladrilhos.

8 - Quantidade de compra - Cada peça precisa de manutenção, por isso é recomendável comprar de 10% a 20% a mais de produtos para manter em estoque no futuro. De modo geral, mesmo que seja o mesmo andar, existem diferenças entre as parcelas.

9- Rejunte-O rejunte tem a função de unir fragmentos e preencher as lacunas entre as juntas de dilatação e os ladrilhos. E também pode proteger os cantos das peças e evitar quebras. Portanto, recomenda-se usar a argamassa especificada pelo fabricante, e o ideal é que a tonalidade fique próxima à tonalidade do piso.

10 - Aplicar porcelanato em cima de um piso existente. Pode. Porém, a superfície da porcelana receptora deve ter um nível regular para não interferir na aplicação do produto. Os ladrilhos ultrafinos são ideais para este tipo de aplicação. Precisa observar a altura da folha da porta existente e pode precisar ser ajustada.

Mais Dicas e novidades

-->